quarta-feira, setembro 20, 2006

Wild West Bank




E o mais engraçado é que não se tratou duma estreia. É uma peregrinação já com tradições. Pois já em 2004, as mesmas IDF, sempre imbuídas dos mais elevados padrões morais, tinham rusgado a cidade de Ramallah, também no West Bank, abastecendo-se então, a fundo perdido e livre de juros, da módica quantia de 7,11 milhões de euros, que embolsaram sem mais aquelas, a pretexto de ser dinheiro do Hammas, da Jihad Islâmica e de outras energumenarias.
Acho que é até por isso que se chama àquela região "West Bank": sempre que os israelitas precisam de dinheiro, vão lá levantar.
Quem é que vocês acham que ia pagar os prejuízos e as vexames causadas pelo Hezzbbollah?...

PS: Uma noite destas, se eu assaltar ali o BES da esquina e desatar a encher os alforges sob a alegação de que é dinheiro da Al-Qaeda, da PT e da IURD, sempre quero ver o que acontece. Sim, sempre quero ver se há alguém com cara -com distinta lata! - para me dizer alguma coisa.

PS2: De qualquer modo -digo-o com pesar - nunca pensei assistir a uma impudicícia destas: ver judeus a assaltarem bancos é o mesmo que dar, em flagrante, com padres, de cacete em riste, a assaltarem igrejas. Ao domingo. E na hora da missa.

PS3: O tempora! O mores!

6 comentários:

A.H. disse...

Pois e então?

São só mais algumas daquelas pequenas e muito justas compensações a que eles nos habituaram a exigir. Neste caso pelas culpas que os palestinianos tiveram naquelas famosas passagens bíblicas de à 63 anos: O holo-clássico; E o ouro palestiniano!

E mais, é para bem deles (palestinianos), pois assim vão acabar por renunciar ao terrivel terrorismo que já matou (só em israel) 100 ... mil inocentes, vítimas do cruel, mundial e conspirativo anti-semitismo dos últimos 3 anos!

zazie disse...

ver judeus a assaltarem bancos é o mesmo que dar, em flagrante, com padres, de cacete em riste, a assaltarem igrejas. Ao domingo. E na hora da missa."

ahahahahhahaha

e olha que os soldados das IDF tinham autorização para assaltar super-mercados no Líbano

HO disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
ho disse...

oops...não era aqui o comentário. As minhas desculpas.

Acoral disse...

Eheh, gostei particularmente do PS2.

Acoral disse...

Eheh, gostei particularmente do PS2.2.