sexta-feira, setembro 29, 2006

Fusão ou fissão -uma questão científica (e política)



Na China, experimenta-se...

A Fusão atómica em vez da fissão atómica. Quando se confirmar que não se trata apenas de ficção, serão más notícias para os proxenetas dos fósseis.

"That means we lead all our competitors by at least a decade," said Li. "The breakthrough will make it possible for mankind to harness a safe, clean and endless source of energy."

5 comentários:

Anónimo disse...

1+1=1

Anónimo disse...

Caro dragão, no blog "jantar das quartas" anda lá um idiota de nome "caguinchas" a "madar bocas" realmente estúpidas.

Este imbecil (que até posso imaginar quem possa ser) anda a usurpar o respeitável (ou nem por isso) nome do "nosso" Caguinchas!

Ponham lá então os pontos nos is!

kommando disse...

A China tem a obrigação de desevolver essa nova tecnologia, pois nem todo o petróleo do Mundo será sufuciente para atender a demanda energética de toda a chinesada.

dragão disse...

O usurpador do mui indigno nome do nosso Caguinchas deve ir imediatamente para a puta que o pariu!...
Vou avisar o Caguinchas.

zazie disse...

então, então... não há confusão nenhuma. Esse rapaz já se apresentou- chama-se João Franco e é estudante de economia.