segunda-feira, setembro 10, 2007

Igualdade eficiente

Nestas sociedades democráticas modernas onde nos apascentam, falar em igualdade dos cidadãos perante a lei começa a soar a anedótico. De facto, se alguem pensa seriamente em acautelar o futuro e em consignar um mínimo de decência jurídica, então o que cumpre exigir é igualdade perante a Comunicação Social. Porque é ela quem faz a lei? Pior: porque é ela quem faz e desfaz o mundo onde essa lei se aplica.

5 comentários:

zazie disse...

Não tenhas a menor dúvida. Estava a pensar o mesmo.

A.H. disse...

Lindo!! Piraram-se para a inglaterra e foram logo contratar advogados de primeiríssima para tentar evitar extraditação e julgamento em portugal.

Mas que "grande" é a nossa demo-cracia acídental!

Rui Rebelo disse...

porque é que a realidade já é mais virtual que real?...

A.H. (L.S.-) disse...

???

Real nunca o foi sr. RReb.
É necessário carácter e coragem,
coisas cada vez mais raras.
O sr. qué um artista não sabe que é tudo representação?

E você é real?
Realmente comunista?
Realmente desinteressado?

... realmente!!

Tortor disse...

Brilhante Dragão. Está tudo dito e de modo sintético.