sábado, julho 07, 2007

Pontas da democracia

A notícia refere que os "funcionários da Polícia Judiciária estão envergonhados com o desvio de cem mil euros". Realmente, o caso não é para menos. Qualquer esbirrozito de África ou da América Latina, daqueles acima de paspalho de giro, consegue sacar, no mínimo, umas centenas. Ao ano.
E ainda por cima, de acordo aos rumores, foram cem mil euros a dividir por uma caterva de inspectores. E inspectrizes.
Bando de pilha-galinhas!...
Charada do dia: Sabem porque é que a Democracia porcoguesa é um Titanic que não corre qualquer risco de afundamento, mesmo quando singra cegamente a todo o gás?
- Porque não é um navio: é um iceberg à deriva.

5 comentários:

Anónimo disse...

Tu deves é a andar a chutar na veia
enxerga-te, caralhito!
Quem não te conhecer que te compre.
Os teus telhados de vidro ãinda estão bem expostos

dragão disse...

Bem, antes telhados que paredes.
E se o autor das pedradas vai ser vosselência, então posso dormir descansado: de todo, a sua envergadura e fisionomia não é de quem atira pedras, mas apenas vive e se esconde debaixo delas.

FSantos disse...

Caríssimo, mas também há suspeitas de que a inspectora-chefe, que é conhecida por ter métodos pouco ortodoxos, terá usado o dinheiro para comprar informadores. Ou seja, excesso de zelo no cumprimento das funções!

kommando disse...

Qualquer esbirrozito de África ou da América Latina, daqueles acima de paspalho de giro, consegue sacar, no mínimo, umas centenas. Ao ano.


Aqui no Brasil, um funcionário da Assembléia Legislativa do estado do Rio Grande do Sul desviou 3 milhões de reais (mais de 3 milhões de dólares) da verba para correspondência dos deputados. Para exemplificar, só no mês de maio último, teria havido 1930 cartas remetidas pelos deputados, por deputado. Tirando sábados e domingos equivaleria a 80 cartas por dia, por deputado.

Verba pública aqui não tem dono. Os deputados e autoridades portuguesas deveriam fazer um doutorado em corrupção aqui na Terra Brazilis.

dragão disse...

Caro FSantos, se usou o dinheiro para comprar informadores, peelings, ou plásticas às mamas, francamente, não sei. Mas intriga-me. :O)

Caro Kommando,

eles ainda só vão no mestrado. Mas lá chegarão ao doutoramento. Todos os dias se notam nítidos progressos.