quinta-feira, janeiro 04, 2007

Previsão de 2007 para os meus leitores politicamente correctos, sionistas furtivos, americanólatras menstruados e demais patrulheiros ocasionais:

Caros,

Eu sou vosso treinador. Nada mais que isso. Digamos que o contrato é esse e está bem delimitado. A minha obrigação é fazer-vos amarinhar às paredes. E, que diabo, modéstia à parte, temos que ser honestos: vós outros trepais já com louvável desembaraço e afoiteza admirável. Mas atenção, nada de megalomanias. Não vamos agora exigir milagres. A minha área é a metodologia do treino, não é a metafísica energumenizante. Quer dizer, sou treinador, não sou Deus. Tenho os meus limites, os quais, por acaso, até imbricam nos vossos. Capacitemo-nos: o facto de eu, não raras vezes com paciência de Cristo e perseverança de Hércules, vos conseguir pôr a trepar às paredes em tempo record é uma coisa. Que daí se possa deduzir que vos posso transformar no Homem-Aranha, ah, vamos com calma, sim? No mínimo, vamos dar tempo ao tempo.
Uma coisa é certa: ainda não será em 2007.

8 comentários:

A.H. disse...

Eheheheh!

ab disse...

Acho que faz o Dragão muito bem.
É deveras divertido ver essa malta 'trepar às paredes'.

Eu não sou disso.
Enquanto estou na blogosfera gosto mais de outros 'desportos', como o Levantamento do Copo (de whisky, de vodka ou de um bom maduro tinto) e o Lançamento da Beata (SG Ventil ou Português Suave do Vermelho e, ocasionalmente, um bom Cigar).

'Trepar às paredes' e outras cambalhotas e piruetas são actividades que só pratico com gajas (de preferência de viçosas e bem tratadas pentelheiras).
Nunca me passaria pela cabeça fazer tal coisa por causa de homens e por causa de políticos e/ou de ideologias.

Mas cada um diverte-se como quer :o))

Anónimo disse...

Olha! já alguem se picou!
ahahahaha!

Legionário

dragão disse...

Você, meu caro Ab, aliás Leclercq, não faz parte da fauna em questão. Se é sionista, não é certamente nada furtivo. Pelo contrário, dá o peito às balas e os lombos à bengala com valentia e pundonor. Direi mais: como poucos.
Também há uma judeofilia honesta, digna e de cara lavada. E essa eu respeito, como respeito tudo o que apresenta vértebra.
É certo que a sua lógica sofre, regra geral, de tetraplegia, mas, que diabo, também não exijo das pessoas a santidade. :O)

Anónimo disse...

"vos conseguir pôr a trepar às paredes em tempo record é uma coisa"

Coitado, ele ainda julga que nós lemos o que escreve...

Anónimo disse...

Nãaao, não lêm nada ... A citação acima foi obra do acaso.

Flávio disse...

Não sou um "sionista furtivo", mas confesso que, apesar de ser católico, me incomodam um bocado os comentários anti-judaicos do Dragão. Acho que em 5000 anos de história, os judeus já sofreram que chegue, não é preciso acrescentar ainda um blogue.

Anónimo disse...

Eu também sou católico, não sou é cristão novo!