quinta-feira, junho 28, 2007

A praga ou o Correia de Campas

Lembrou-me aquele comentário acerca do governo de então, em que, salvo erro*, Ramalho Ortigão, nas "Farpas", dizia qualquer coisa como "este governo não cairá porque não é um edifício, sairá com benzina porque é uma nódoa." E ocorreu-me a propósito deste ministro nosso da Saúde Malsã. Também não merece tratamento nem tem remédio, porque não é um doente; antes merece um pesticida bruto porque é uma praga. 605 Forte, no mínimo. E dentro do prazo, para que a cura não perigue e o fungo, em vez de morto, não saia reforçado.
* É erro mesmo. Não foi o Ramalho, mas o Eça, no "Conde de Abranhos". O que vale é que os leitores desta casa, sempre perspicazes e atentos, não deixaram passar em claro tão grosseira cavalgadurice e tratarem de aplicar o correctivo adequado à besta que aqui, sem qualquer pejo nem vergonha, defenestra a literatura e a história da mesma. Abençoados!...

11 comentários:

Acoral disse...

605 Forte?

Era com Zyklon B!

Tortor disse...

Também cito de cor, ó Dragão, mas creio que terá dito qualquer coisa como "removido com benzina".

Anónimo disse...

"Este governo não cairá porque não é um edifício, sairá com benzina porque é uma nódoa!"

Esta frase está colocada em frente ao público, para quem quiser ver, no meu local de trabalho.
Não assino porque tenho uma menina linda para criar, embora o risco se mantenha...
Mas mais acrescento que esta nódoa já tem décadas.

Abraço Dragão, ainda não decidi se vou por o seu livro ao lado de Aristóteles.

Anónimo disse...

E eu só tenho que agradecer a correcção da frase, que aproveitarei de imediato.

Dragão

Kzar disse...

Sr. Dragão:
Naturalmente, incorremos todos, mesmo os melhor intencionados e mais capazes, como indubitavelmente é o caso de Vexa., em lapsos desse quilate e em outros bens piores.
Aquele que a seguir refiro é aliás benigno, irrelevante quase, mas ainda assim move-me a uma pequena correcção: a frase é do Eça, e consta de "O Conde de Abranhos".

Seu leitor empenhado e obsessivo-compulsivo,

Kzar

Gonçalo P.C. disse...

Não foi a "Ramalhal Figura" mas sim o seu amigo Eça quem disse essa célebre frase que desde então continua certeira.

Anónimo disse...

Eu tinha dito "salvo erro". Não se salvou.
Mais uma vez, agradecido pela correcção.

Dragão

A.H. disse...

Lool!
E que tal com veneno para ratazanas?
Não se adequa mais à espécie?

Anónimo disse...

Ná, o coiso devia ser aspirado. Para que é que se fez o raio do referendo? Para os pobrezinhos se livrarem dos coisos.

Anónimo disse...

Ratak ou Racumin Isco?...

Dragão

Kzar disse...

Boa!
Aspirado! E se os aspiradores invocarem objecção de consciência (perigo que julgo ser remoto), há sempre a hipótese de o SNS pagar a deslocação até instalações de aspiração estrangeiras (tipo no Iraque ou no Afeganistão) - assim como assim já paga tanta merda...