segunda-feira, julho 04, 2005

Concurso "A Mão Invisível"



As incríveis potencialidades da "Mão Invisível" são:
a) Tocar inefáveis pívias ao mercado
b) Gamar carteiras com mais eficácia
c) Segurar a bengala do "Homem Invisível"
d) Não deixar impressões digitais no local do crime
e) Apertar firmemente a "mão-de-obra".

Escolha uma das respostas, responda em envelope lacrado para o Apartado 666, e habilite-se a uma viagem ao paraíso terreal: a China. Conheça o país do comunismo benigno, amigo da Banca e da Indústria. Veja como as nomenclaturas se tornam boas, desde que partilhem os lucros da escravização das massas com quem de direito. Relembre os tempos épicos da Revolução Industrial, agora em versão 2.0 Yellow, com especificações ISO9002.
Concorra já! A viagem ao "melhor dos mundos" pode ser sua.

10 comentários:

zazie disse...

eheh grande poster!

esta nova mania da China é das coisas mais idiotas que se podiam lembrar

D. disse...

Diz-me ontem o meu irmão:

- Tu, que gostas de sítios onde se escreve bem, com português de primeira água, hás-de visitar o DRAGOSCÓPIO. Aquilo é do melhor. Não fica nada atrás do Godot.

Mal pude, vim.
Estou deliciado. Isto é mesmo do melhor!
O pior foi o arrepio ao passear pelos "Archives".
1.ª (primeiríssima!) posta, "Quinta-feira, Dezembro 18, 2003":

Benvindos ao Blog do Dragão!

Ó meu Caguinchas, então isto são boas-vindas que se dêem?
Que porcaria de caneta usaste nos alicerces?
Se não corriges aquela merda já, nunca mais te falo!
__________
Deniz Costa, campeão nacional sénior da língua portuguesa, época 2005 - 2006.

nelson buiça disse...

CHINA!?!?


Prefiro o Japão.
;)

....sempre produzem bons relógios, televisores, carros e:o DRAGON Ball
:)

dragão disse...

Ao d:

Não corrijo, tenho mais que fazer, estou-me nas tintas e, para quem acaba de chegar, não me parece adequado o tom coloquial.
Recomendo-lhe que me denuncie às autoridades competentes. Suponho que, pelo nível do escândalo, deve tratar-se dum crime pior que a pedofilia.
Aliás, em termos de ortografia, considere-me um serial-killer. O facto de ser psicopata confere-me duas vantagens supimpas: além de ser imune à vergonha, sou igualmente imune ao remorso.

Ao Buiça:

escusa de estar a pensar em reunir as sete bolas de cristal, que eu, ao contrário do meu primo nipónico, não concedo desejos.

D. disse...

Confirmam-se as piores suspeitas: este dragão é dos bons.

E nunca a língua lhe doa. Aos pesporrentes e jactantes chegue-lhes! Sem dó.

Tem toda a razão quanto à abusiva coloquialidade. Peço-lhe desculpa.

Curvo-me de admiração [com opinião reforçada de que este é um blogue supimpa] e de vergonha me vou.

Não é imune quem quer.
__
DC

timshel disse...

ó dragão

tenho que arranjar um livrinho de citações do Presidente Dragão

para depois abanar no ar

estou a falar a sério

um dia destes meto-me a essa tarefa no meu blogue

pra já fica esta:

"O facto de ser psicopata confere-me duas vantagens supimpas: além de ser imune à vergonha, sou igualmente imune ao remorso."

E uma outra em que o dragão apelidou (justamente) algumas das minhas intervenções de "atoardas de skinhead de sacristia progressista"

dragão disse...

Postas as apresentação e aprovado, com boa nota, no exame, seja bem vindo à nave do louco, ó exmº DC!...:O)

E vocelência, caro Timshel, aproveite agora que isto, um dia destes fecha.
Vou passar à luta armada.
Até agora, o mais que consegui foi armar em parvo.

zazie disse...

"atoardas de skinhead de sacristia progressista"

aahhaha já não me lembrava desta ":O)))

devias colocá-la no dazibao bíblico
ehehe

Ovelha Tresmalhada disse...

Por falar na China e no Livro dos Pensamentos do Presidente Dragão sugerido por Timshel, cito, de memória, um rifão aprendido no livro da 2ª classe: o pensamento de Lao Tse em Janeiro não tinha parceiro, até que veio o do Grande Timoneiro em Agosto, que lhe deu no rosto.

Preclaro Senhor Dragão, vomite cá para fora os seus pensamentos, ainda que impressos, como já deu a entender, em rolos de papel higiénico do mais rasca. Prometo que, saciado com a sua leitura e aliviado da vergonhosa ração que a natureza cobra, dar-lhes-ei o adequado préstimo, no momento oportuno, naquele "lugar solitário onde a vaidade se apaga..."

dragão disse...

Esta "ovelha" bale com propriedade!...