sexta-feira, março 09, 2007

Gurgitte vasto

«Se os filósofos governassem, as massas estariam perdidas. Mas se estas massas governarem, a situação dos filósofos será raro in gurgitte vasto».

- Nietzsche, in "Carta ao barão de Gersdorff, 07 de Abril de 1866"

Traduzindo raro in gurgitte vasto (variante do mais usual rari nantes in gurgitte vasto):
Poucos nadam no vasto vórtice.
Frase retirada da Eneida, primeiro livro, onde se descrevem os poucos sobreviventes do navio dos lícios, afundado pela tempestade que destruíu completamente a frota de Enéias.
Para ajustar na perfeição ao nosso tempo, e sem ferir muito o rigor semântico, basta substituir "vasto vórtice" por "imenso vómito". Eu, pelo menos, traduziria assim.

1 comentário:

ab disse...

As massas O QUÊ?!

Então acha que as massas é que....governam?!

ahahahahah