segunda-feira, outubro 17, 2005

Lógica informal

Por alturas "da celebração dos 60 anos da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO), em Roma," Robert Mugabe, vilipendiou, também ele, os dois faróis da Comunidade LGTB (Liberais Gaios Transtornados e Barnabus): o metrossexual Blair e o narcocriptossexual Bush. Apodou-os de nefastos, vejam lá bem.

Isto merece-nos algumas considerações.

1. O senhor Mugabe a discursar numa organização internacional para a Agricultura e Alimentação equivale a um açougueiro do mercado negro a perorar num congresso da Protectora dos Animais.
2. Quando um pária se põe a vituperar dois biltres, não há grandes morais a extrair da história.
3. Não obstante, este momento hilariante duma besta quadrada vai servir às mil maravilhas como arma de arremesso à Comunidade LGTB (Liberais Gaios Transtornados e Barnabus). Quase que apostava em como tais maraus, mal saibam deste episódio rocambolesco, hão-de correr a esgrimir, todos ufanos, o seguinte silogismo:
O pária Mugabe é um refinado e reconhecido bandido,
O pária Mugabe critica São Tony Blair e São George Bush;
Logo, todos os que criticam Blair e Bush são iguais a Mugabe.


Se bem que rudimentar, não deixa de ser um esboço para um esquema inibidor de mentecaptos. E, por incrível que pareça, não deixa de ter as suas clientelas.

7 comentários:

timshel disse...

cheira-me que andas a ficar convertido oh dragão

esse silogismo cheira-me a raciocínio neoliberal

(julgo que foi o hayek que formulou a célebre máxima:

os anti-bushistas são de todas as cores

todas as cores existem à nossa volta

logo, estamos rodeados de anti-bushistas)

FadoCravo disse...

Não sei se mais do que as ideias, gosto das palavras. Que fazer? Não resisto ao encanto dum "narcocriptossexual" e então dum "marau", que já não me passava pelas lentes há uns bons anos...uns "biltres" mais uns "mentecaptos"...
Fogo, Dragão, os seus textos, para além de ideias, têm palavras!

dragão disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
dragão disse...

Mas sou um grosseiro, um alarve e um casca-grossa, pois ainda não tive a lhana cortesia de lhe agradecer, cara senhora, as repetidas -e certamente benévolas -, menções que me dirigiu.
Aproveito este momento para me penitenciar de tanta cavalidade e desejar que ao menos o prazer da leitura tenha contribuído para amenizar a boçalidade reiterada do autor.
Queira aceitar as minhas públicas e humildes desculpas.

Lowlander disse...

Excelente.

Fadocravo disse...

Ora, Sr. Dragão, por quem é!...
(Espero que não seja pelo Sportem, como eu, que esse é sempre a perder; mas que se há-de fazer?! Masoquismos...)Eu é que devo agradecer-lhe o seu contributo para a expansão do meu saber, com prazer, o que é sempre agradável.

tina disse...

Senão se importa vou fazer copy e paste para o meu blogue de algumas partes. Obrigada.