sexta-feira, fevereiro 09, 2007

Páscoa Sangrenta?

«Um académico judeu chocou Itália ao reclamar que os judeus assassinaram cristãos, durante a Idade Média, com o intuito de lhes extraírem o sangue para ser usado em rituais.
Os detalhes foram revelados no jornal italiano, "Corriere della Sera", que publicou extractos do livro "Páscoa Sangrenta", da autoria do professor Ariel Toaff.»


Estas alegações, naturalmente, «foram negadas pelas principais figuras judaicas do país, incluindo o próprio pai do autor, Elio Toaff, antigo rabi chefe de Roma.»


O professor Toaff ensina História Medieval e História da Renascença na Universidade Bar Ilan, em Jerusalém.

9 comentários:

zazie disse...

ehehe se te metes por aí estás tramado. É que estes rituais incluiam muito mais gente. Eram os tais adoradores do demo- os do bode e dos mija-nos-finados de que fala Gil Vicente.

Por cá, não tenho conhecimento de fontes que o comprovem.

dragão disse...

Eu não me meto por parte nenhuma. O tal professor é que se meteu. Meteu-se, nomeadamente, com a proverbial e ancestrada santidade imaculada da tribo. :O)

zazie disse...

ehehehe isso sei eu. Mas está visto que estas coisas são altamente perigosas de se dizerem.

Mesmo aqueles insultos aos cristãos que se fazem em Israel são tabu, quanto mais os rituais dos sabaths

zazie disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
zazie disse...

C'um caraças! isto triplicou e não há caixote do lixo para deitar fora?

foste deportado para o beta, é isso?

dragão disse...

Resisto heroicamente. Mas os gajos querem impingir-me aquilo à viva força. A mim, cheira-me mal a coisa. Ou melhor, tresanda. Aquela agregação ao google...

zazie disse...

fónix! la perdi o que tinha escrito por causa do beta...

Estava a dizer que não escapas à deportação. A mim impediram-me o login. Depois vais ter de arranjar o template porque aquilo fica tudo desconfigurado e voltar a pôr como estava antes do "progresso"
ehehe

Mas não vás na conversa de experimentar os novos esquemas de cor e de templates que depois já não podes voltar atrás.

Quanto ao Google, se ja´comprou o youtube...

ringthane disse...

Ya a mim aconteceu-me a mesma cena. Esfodaçaram-me os acentos e demais caracteres especiais - não kosher :D Senão, não me logava nunca mais, nunca mais...
Tá tudo feito para que estejamos indexados e se for preciso possam negar (no sentido banda desenhada do termo, tipo, o Negador Total) a nossa existência em três cliques.

dragão disse...

Se calhar, o melhor mesmo é mandar o tal "blogger" dar uma volta. MIgrar para o "wordpress" ou coisa que o valha.